“20 anos de surf Piauí” Part.2: Objetivos alcançados e os atletas piauienses no cenário regional

A Associação deu inicio ao Circuito Piauense de Surf e conseguiu reunir antigos surfistas e atrair mais praticantes para o estado.

0
304

Na ultima matéria que você pode conferir aqui, falei sobre o começo da trajetória da Associação de Surf Piauiense, e agora continuo com mais detalhes sobre como a ASPI conquistou seus objetivos e se tornou uma das maiores influenciadoras do surf piauiense no cenário atual.

Nos organizamos e em 14 de abril de 1996 fundamos, registramos em cartório e oficializamos no diário oficial do estado a criação da ASPI – Associação de Surf do Piauí, tendo como principais objetivos: criar o Circuito Piauiense de Surf – CPS; aumentar o número de praticantes e admiradores do surf; protagonizar o surf como ferramenta de inclusão social e de desenvolvimento socioeconômico; trazer uma etapa do circuito nordestino de surf ao Piauí e projetar um surfista piauiense a nível nordeste.

Circuito Piauiense de Surf

1a-etapa-aspi-1996E neste mesmo ano de 1996 o Circuito Piauiense de Surf foi criado com a realização de três etapas, a semente foi plantada  e os frutos deste trabalho vingaram, o vermezinho do surf contagiou a muitos com a realização e divulgação destas etapas e o número de surfistas triplicou. Os surfistas das antigas voltaram a colocar suas velhas pranchas debaixo do braço e foram novamente experimentar a magia que é deslizar sobre uma onda.2a-etapa-aspi2001A concretização do primeiro objetivo resultou na concretização do segundo, e que, com o reconhecimento do trabalho da associação fomos convidados a participar do Projeto CRAVO –crianças e adolescentes vivendo novas oportunidades, criada pela senhora Marta, concretizando nosso terceiro objetivo, fazer o surf promover inclusão social.

Novos admiradores do esporte surgiram, uma nova leva de garotos começaram a deixar de lado a bola e a bike e pegaram uma prancha de surf para dar suas primeiras remadas. As lojas “surfshops” que já não vendiam acessórios para o esporte surf , começaram a ver que o mercado se aquecia, havia demanda. Os expoentes do surf piauiense Márcio Silva e Roberto Silva despontaram no Ceará, fazendo finais em eventos regionais.

1-open

O Sem Serebro de Surf, o Pena Super Surf  foram apenas alguns que tiveram destaques dos piauienses. Márcio silva, tetra campeão piauiense se torna o primeiro surfista piauiense a ser patrocinado por uma grande marca de surfwear, Roberto Silva se muda para Paracuru(CE) para viver o legítimo surf lifestyle, o garoto Herbert Quadrado se destaca em eventos realizados pela ASPI, tornando-se um atleta muito conhecido regionalmente, em Luis Correia(PI) surge um grande talento do surf local, um garoto franzino chamado Jandre “Pichep”, que desbancou grandes nomes do surf.

dsc04148